USE: Praça de Conforto

banner img

USE é uma praça de conforto dividida em dois blocos, projetada para ser construída no terreno da Escola de Arquitetura da Universidade Federal de Minas Gerais, especificamente na Rua Fernando Melo Viana, próximo ao Restaurante Universitário, que surge em resposta à demanda por serviços cotidianos mais acessíveis requeridos pelos indivíduos que frequentam essa região.

A disposição e localização espacial da Praça garantem que o edifício se torne tanto um local de passagem quanto de permanência de modo que ele seja uma consequência de hábitos e percursos rotineiros.

BANNER

APRESENTAÇÃO

 

[Fernanda] Pavilhão de Utilidades – Justificativa e Referências

A ideia inicial do projeto é atender a demanda percebida durante entrevistas realizadas com pessoas que utilizam o espaço ao entorno do lote. Por isso, a proposta é oferecer três espaços com funções distintas que se interliguem através de passarelas e se complementem. O objetivo comum de cada espaço é fornecer um ambiente agradável enquanto dispõem serviços percebidos ausentes. O primeiro dos espaços estará próximo ao Restaurante Universitário e se destinará ao cultivo de plantas frutíferas de pequeno porte e plantas ornamentais ao mesmo tempo em que promove interatividade à medida que o espaço é autogerido. O segundo local conterá serviços como caixas eletrônicos, copiadora e algum tipo de fornecedor de alimentos (cafeteria, lanchonete, maquina de snacks, etc), com o objetivo de funcionar como uma segunda opção da praça de serviço para os prédios do entorno. Já o terceiro, que estará ao centro e atrás dos dois últimos espaços, abrigará uma área de convivência e diálogo, onde usuários poderão tanto descansar em momentos livres quanto trocar ideias com pessoas de fora do seu convívio.

A princípio serão três domos ligados entre si por rampas e/ou passarelas, sendo um para cada proposta. Esses espaços estarão inseridos a um metro abaixo do nível do lote naquela localidade. A cobertura do domo inicialmente será composta por dois materiais, sendo um sólido no lado oeste impedindo a passagem de luz solar durante a tarde, e o outro voltado para leste será translúcido a fim de garantir conforto climático e visual.

projeto

Para o desenvolvimento da ideia busquei, inicialmente, pelas seguintes referências:

Pavilhão de Pesquisa ICD / ITKE 2014-15 (Alemanha)

ICD-ITKE_RP13-14_Image01

Envelope Estrutural de “O Nosso Futuro” / SUTD Advanced Architecture Laboratory  (Singapura)

SUTD_FOU_aerial_photo2_2000px

Pavilhão do Parque Borden / gh3  (Canadá)

PORTADA_2_bp_36-38 (1)

Pavilhão O3 / Atelier Marko Brajovic (Brasil)

GIF2

Pavilhão de luz feito com garrafas plásticas recicladas/ Daydreamers Design (Hong Kong)

01